domingo, 3 de junho de 2012

Pequena biografia do pastor Branko Cholich

O pastor Alexander Branko Cholich, nasceu em 1918 na Iugoslávia. Viveu os horrores da II Guerra com a ocupação de seu pais pelos nazistas e a divisão no seio da Igreja da Reforma ocorrida em maio de 1951 na cidade de Ziest na Holanda. Após a separação esteve ao lado do Pr. Demétrio Nicolice e foi Secretário da Conferência Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia Movimento de Reforma. Em 1967, porém, depois de examinar no Brasil durante a CG de Vila Matilde todo o processo, sentindo que as razões não justificavam a separação se uniu à Sociedade Missionária Internacional dos Adventistas do Sétimo Dia Movimento de Reforma, então sediada na Alemanha. Nos Estados Unidos onde residia, veio a ser
presidente da união americana. Entre 2003 e 2007 foi presidente da Associação Geral da Sociedade Missionária Internacional da Igreja Adventista do Sétimo Dia Movimento de Reforma.

Formou-se em Direito e Engenharia. Como engenheiro trabalhou na Missão Espacial do Apollo 11. Era estudioso da bíblia e dos testemunhos de Ellen White e seu conhecimento de vários idiomas lhe permitiu realizar a tradução completa dos nove volumes dos Testemunhos para a Igreja da referida autora para sua língua nativa. Escreveu o livro "Vereda Fendida" onde conta tudo que viveu no período da primeira tentativa de unificação dos dois movimentos de reforma. Publicado pela igreja SMI Adventista do Sétimo Dia Movimento de Reforma e enviado a todas as igreja do "movimento separado", a Igreja Adventista do Sétimo Dia Movimento de Reforma, a qual ocultou de seus membros os livros e negou aos mesmos de terem acesso a sua história. 


7 comentários :

  1. A igreja Adventista do 7º Dia - Movimento de Reforma original de 1914, organizada em 1925. Ela não tem interresse de esconder a verdade de seus membros. Vocês SMI deveriam esclarecer a verdadeira verdade para os membros de vocês, o que realmente aconteceu em 1951. Vocês acusam que os IASD-RM original não aceitaram a unificação em 1967. Mas vocês não falam que vocês rejeitaram a unificação de 1993. è muito bom atirar pedra nos outros, e esconder o pecado debaixo do tapete, como o Carlos Kozel fez em 1951, e seus adeptos continuam defendendo como verdadeiro. Posso concorda que houve falha dos dois lados, mas acusar como vocês estão fazendo, isto é obra do inimigo das almas. Eu tenho piedade deste pastor que escreveu este livro. Em vez de ter escrito um livro de evangelização para converter almas, perdeu o seu tempo em acusar os seus irmãos. Bem faz a Igreja Adventista que está trabalhando e ganhando alma a cada segundo de sus historia terrestre. Irmãos parem de acusar as pessoas, como vocês vão para o céu guardando odio, raiva do proximo. É assim que vocês estão esperando Jesus? Como fica a mensagem de Cristo do evangelho de João 17:21,22,23 e o Salmos 133
    Meu email para contato menezes.7@hotmail.com
    Feliz Sábado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carlos não é somente a SMI que esconde a verdade de seus membros e conta meias verdades, mas a outra reforma também o faz. A briga de 1951 e a divisão da CG do movimento de reforma deles segundo os mesmo profetizado não tem cabimento. Onde já se viu pessoas que se dizem seguidoras de Cristo brigarem, se ofenderem, baterem uns nos outros e ainda foram na justiça do mundo para decidir quem era o novo presidente da CG? Isso é uma vergonha para todos que estão nessas igrejas enganados. Como líderes de um movimento segundo eles profetizado brigam pelo poder? Isso não é fruto de quem tem o Espírito Santo! Sinto muito mais todos dois movimentos escreverem livros falando mal uns dos outros e nenhum tem realmente a verdade e bem fez em dizer que a igreja Adventista é a que realmente está trabalhando para salvar almas e nela não tem história semelhante onde brigaram para decidir quem seria o presidente.

      Excluir
    2. Silvana Abreu, vc esta perdendo tempo de publicar coisas que não te dizem respeito. Vc ja saiu na reforma porque que vc persegues muito os reformistas? vai trabalhar.

      Excluir
    3. Prezado Bartolomeu
      O que a Silvana está fazendo não é perseguir a Reforma (melhor dizer reformas pois são tantas) o que ela faz é advertir para que outros não caiam no buraco onde ela esteve por muitos anos. Aliás se vc conhecesse as coisas como elas são sendo sincero também não ficaria onde está.

      Excluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    5. Você tem provas de ele era adúltero? Se tiver me manda os documentos e eu não apoio nenhuma das duas reformas. Pra mim são todas desviadas.

      Excluir

Ao fazer seu comentário lembre-se de falar sobre o tema da postagem e não coloque endereços de outros sites e blogs. Não publico comentários que não estejam de acordo com as regras.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...