sábado, 18 de agosto de 2012

Alimentação Cárnea não é "Prova de Comunhão"

Somos exortados firmemente a abandonar a alimentação cárnea, mas somos admoestados fortemente em vários testemunhos a não fazer disto prova de comunhão. Leia estes testemunhos: 

1886 - "A questão acerca de se devemos comer manteiga, carne ou queijo, não deve ser apresentada como prova a quem quer que seja, mas devemos educar

as pessoas, mostrando os males das coisas que são censuráveis. Os que apanham essas coisas e as impõem aos outros não sabem qual a obra que es­tão realizando. A palavra de Deus deu provas para Seu povo. A observância da santa lei de Deus, o Sábado, é uma prova, um sinal entre Deus e Seu povo através de todas as suas gerações, para sempre. Para sempre isto será o tema principal da mensagem do terceiro anjo - os mandamentos de Deus e o testemunho de Jesus Cristo." - 3ME, p. 287.-1886.

1895 - "Nunca julguei ser meu dever dizer que ninguém deveria provar carne, sob quaisquer circunstancias. Dizer isto, quando o povo tem sido educado a viver de comer carne em tão grande medida, seria levar ao extremo a questão. Nunca senti ser dever meu fazer asserções arrasadoras". - CRA, p. 462. (Grifo acrescentado)

1896 - "Não deveis fazer prescrições dizendo que nunca de­vam ser usados alimentos cárneos, mas educar a mente, e deixar aí penetrar a luz. Seja a consciência da pessoa despertada no que concerne à conservação própria e à pureza de todo apetite pervertido..." - Idem, p. 291

1909 - Não estabelecemos regra alguma para ser seguida no regime alimentar, mas dizemos que nos países onde abundam as frutas, cereais e nozes, os alimentos cárneos não constituem alimentação própria para o povo de Deus... Não nos compete fazer do uso da alimentação cárnea uma prova de comunhão; devemos, porém, considerara influência que crentes professos, que fazem uso de carne, têm sobre outras pessoas”. - CRA, p. 404.

1911 - Não estou autorizada a aconselhar que façamos do comer carne um ponto de prova para nosso povo”. - (Manuscrito 23,1911, citado em RA 9/1967, p. 17. (Destaques acrescentados)

No Manuscrito 23, de 1911, está escrito também:

"Demos devida consideração a este assunto. Estou disposta a defender algumas coisas; mas como um povo ainda não estamos plenamente preparados para esta questão. Deve haver primeiro corre­ta exposição do assunto, e CONVÉM CONSIDERÁ-LO EM TODOS OS SEUS ASPECTOS".

Esta última expressão: “em todos os seus aspectos”, parece su­gerir que no caso de se vir a estabelecer a questão como “ponto de prova”, esta não deveria ser absoluta. Ter-se-ia que catalogar casos especiais, a que ela costumava aludir, que não sofreriam cobrança da Igreja.

Aí estão as razões, meu irmão ou minha irmã, por que a Igreja Adventista não faz prova de comunhão da questão de não comer carne. Os movimentos de reforma passam por cima das instruções da serva do Senhor e do seu procedimento até a sua morte.
Outras declarações, em CRA, 292,394,395,463,466, Ev, 6064.CRA - Conselho sobre regime alimentarME - Mensagens Escolhidas
EV - Evangelismo

Fonte: Capítulo 19, páginas 114 e 115 do livro “Aos Adventistas da Reforma de 1914” de Antônio Ramos Dourado.

Esse estudo de Antônio Dourado é o melhor que eu já vi, porque mostra em ordem cronológica que Ellen White não mudou sua posição quanto ao assunto de fazer prova de comunhão quanto ao alimento cárneo como alega os reformistas. Segundo suas falacias Ellen White mudou de ideia e passou a defender a imposição da abstenção de alimento cárneo como prova de comunhão e que podemos ver não ser verdade com a citação do manuscrito de 1911, 4 anos antes de sua morte que diz:  "Não estou autorizada a aconselhar que façamos do comer carne um ponto de prova para nosso povo". - (Manuscrito 23,1911, citado em RA 9/1967, p. 17.) 

Agora pergunto aos senhores reformistas com qual autoridade fazem da alimentação cárnea prova de comunhão na igreja se a profetiza disse que não estava autorizada a fazer isso? Se nem Ellen White viu na Bíblia tal embasamento ou mesmo foi autorizada por Deus em seus conselhos, como podem os reformistas quererem saber mais do que ela e a Bíblia? Com certeza seu embasamento está na mesma ideia que a igreja católica usou para mudar o sábado para o domingo.

Mais um texto sobre o assunto:

"Chá, café, fumo e álcool precisam ser apresentados como condescendências pecaminosas. Não podemos pôr a carne, os ovos, a manteiga e o queijo em pé de igualdade com esses artigos colocados sobre a mesa. Estes não devem ser postos na frente, como o tema principal de nossa obra. Os primeiros - chá, café, fumo, cerveja, vinho e todas as bebidas alcoólicas - não devem ser ingeridos moderadamente, mas rejeitados". Mensagens Escolhidas, vol. 3, pág. 287.

37 comentários :

  1. Ha dois estremos nesse importante topico. Primeiro consideremos as escrituras e seus ensinos. Nao existe um verso Biblico que diz claramente: E pecado comer carne. No entanto, sim diz que e melhor nao comer carne nem beber vinho. O assunto tem haver com saude publica e o tempo em que vivemos. Sciencia nos ensina claramente que,os aninais nao sao sadious e as emfermidades se multiplicam rapidamente. Os que comen carne: gado, peixe ou aves o fazem em grande risco pessoal. Ponto secondario e quanto a luz dada atravez do Espirito de prophecia. Somos advertidos nao so por causa de saude mas sim espiritual! "Razões para Rejeitar o Alimento Cárneo
    Os que se alimentam de carne ...
    A carne nunca foi o melhor alimento; seu uso agora é, todavia, duplamente objetável, visto as doenças nos animais estarem crescendo com tanta rapidez. Os que comem alimentos cárneos mal sabem o que estão ingerindo...
    Em todos os casos, educai a consciência, aliciai a vontade, supri alimento bom, saudável, e a mudança se efetuará rapidamente, desaparecendo em breve a necessidade de carne.
    Não é o tempo de todos dispensarem a carne da alimentação? Como podem aqueles que estão buscando tornar-se puros, refinados e santos a fim de poderem fruir a companhia dos anjos celestes continuar a usar como alimento qualquer coisa que exerça tão nocivo efeito na alma e no corpo? Como podem tirar a vida às criaturas de Deus a fim de consumirem a carne como uma iguaria? Volvam antes à saudável e deliciosa alimentação dada ao homem no princípio, e a praticarem e ensinarem a seus filhos a misericórdia para com as mudas criaturas que Deus fez e colocou sob nosso domínio. Instrucoes adicionais, corresponder por email a: applenaturalhealth@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. olá, boa tade! como vc mesmo disse nenhum texto na Bilia fala claramente sobre o comer carne como pecado, e muito menos o texto de Romanos citado por vc que está no capitulo 14 verso 21 fala desse tema o que Paulo está se referindo é a carne que antes de serem vendida no mercado era oferecida aos ídolos por esse motivo os irmãos que faziam uso dessa carne estava causando escândalo para os fracos na fé. Esse é o motivo dele ter escrito essa passagem pois é disso que ele vem tratando no capitulo 14 pois no verso 3 ele diz:"quem come não despreze o que não come; e o que não come não julgue o que come, porque Deus o acolheu".
    eu particularmente sou afavor do vegetarianismo e praticante, acredito ser o melhor dos regimes por varios fatores, mais o que ninguem tem o direito de fazer é impor para quem quer que seja pois nem a Biblia nem o Espirito de Profecia da margem para esse tipo de pratica. E não devemos de forma alguma torcer qualquer texto da bíblia para defender uma idéia particular.

    ResponderExcluir
  3. Se fizermos uma leitura atenta do artigo "Alimentação Cárnea não é "Prova de Comunhão", podemos notar que tanto os reformistas como nós Adventistas do 7° dia não estamos seguindo a orientação de Deus.

    Com relação ao texto de 3ME, p. 287.-1886, os reformistas erram em fazer prova de comunhão e fazer imposição deste assunto, nós, porém, erramos em não educar a igreja nesta questão.

    Embora todos os textos apresentados neste artigo sejam claros em advertir-nos contra o não fazer prova de comunhão eles também são claros em que devemos:

    1896 - " educar a mente, e deixar aí penetrar a luz Seja a consciência da pessoa despertada no que concerne à conservação própria e à pureza de todo apetite pervertido..." O texto é bastante claro! Deus orienta a educarmos a mente deixando penetrar a luz reconhecendo que o apetite em relação à carne é pervertido e precisa ser purificado.

    1909 - "Não estabelecemos regra alguma para ser seguida no regime alimentar, mas dizemos que NOS PAÍSES onde abundam as frutas, cereais e nozes, os alimentos cárneos NÃO CONSTITUEM alimentação própria para o povo de Deus...".

    Embora que não devemos impor o vegetarianismo, devemos advertir que num país como EUA ou Brasil onde abundam as frutas, cereais e nozes, os alimentos cárneos NÃO CONSTITUEM alimentação própria para o povo de Deus. Reconheço ser um grande desafio saber educar a igreja sem fazer imposições inapropriadas.

    1911 - "Deve haver primeiro correta exposição do assunto..." Precisamos ser honestos e reconhecer que falhamos nesse ponto! Pouca ou nenhuma atenção é dada em relação a exposição do assunto em nosso meio.
    Meu desejo é que possamos ser equilibrados. Não podemos continuar condenando os reformistas em errar num ponto sendo que somos negligentes noutro.

    Assim concluo fazendo um apelo tanto a líderes como a nossos queridos irmãos a darmos a devida consideração à mensagem que Deus em Sua infinita sabedoria nos deu.

    ResponderExcluir
  4. Fábio Dionel - email para contato: f_dionel@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. No tocante ao alimento cárneo, devemos instruir o povo a nele não tocar. Seu uso é prejudicial ao melhor desenvolvimento das faculdades físicas, mentais e morais. Devemos fazer campanha decidida contra o uso do chá e do café. Convém, também, abster-se das sobremesas complicadas. Leite, ovos e manteiga não devem ser classificados como alimento cárneo. Nalguns casos o uso de ovos é proveitoso. Não chegou ainda o tempo de dizer que deva ser inteiramente abandonado o uso de leite e ovos. Famílias pobres existem, cuja alimentação consiste grandemente em pão e leite...... Seja progressiva a reforma alimentar. Testemunhos Seletos - Volume 3 Página 138
    Vejamos os meios pelos quais Ele efetuaria isto. Submeteu-os a um curso de disciplina, que, caso houvesse sido seguido de boa vontade, haveria resultado em bem, tanto para eles próprios, como para sua posteridade. Ele tirou deles em grande medida o alimento cárneo. Havia-lhes concedido carne em resposta a seus clamores, justo antes de chegarem ao Sinai, mas isso foi apenas por um dia. Deus poderia haver provido carne tão facilmente como o maná, mas foi feita ao povo uma restrição para seu bem. Era Seu desígnio prover-lhes alimento mais apropriado a suas necessidades do que o regime estimulante a que muitos deles se haviam acostumado no Egito. O apetite pervertido devia ser levado a uma condição mais sadia, para que eles pudessem fruir o alimento originalmente providenciado para o homem - os frutos da terra, que Deus dera a Adão e Eva no Éden. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 378
    Se a carne for abandonada, se o gosto não for estimulado nessa direção, se a apreciação por frutas e cereais for encorajada, logo será como Deus no início desejou que fosse. Nenhuma carne será usada por Seu povo. Carta 3, 1884. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 82

    Não como senão duas refeições por dia, e sigo ainda a luz que foi comunicada trinta e cinco anos atrás. Não como carne. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 351

    Não devemos pôr carne diante de nossos filhos. Sua influência é estimular e fortalecer as mais baixas paixões, e têm a tendência de amortecer as faculdades morais. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 64
    Nem um grama de carne deve entrar em nosso estômago. O comer carne não é natural. Conselhos Sobre o Regime Alimentar 380
    Foi-me mostrado claramente que o povo de Deus deve assumir atitude firme contra o comer carne. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 383
    Os que usam carne menosprezam todas as advertências que Deus tem dado relativamente a esta questão. Não possuem nenhuma prova de estar andando em caminhos seguros. Não têm a mínima desculpa quanto a comer a carne de animais mortos. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 383
    Os que usam carne menosprezam todas as advertências que Deus tem dado relativamente a esta questão. Não possuem nenhuma prova de estar andando em caminhos seguros. Não têm a mínima desculpa quanto a comer a carne de animais mortos. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 383
    O regime cárneo é a questão séria. Hão de seres humanos viver da carne de animais mortos? A resposta, segundo a luz dada por Deus, é: Não, decididamente Não. Conselhos Sobre o Regime Alimentar Página 388

    ResponderExcluir
  6. "No tocante ao alimento cárneo, devemos instruir o povo a nele não tocar". Pergunto ao Arismar desde quando "instruir" significa "obrigar"? Quando uma igreja impõe que para ser batizado ou seja salvo, pois sem batismo não tem conversão, uma pessoa ela está instruindo? É obvio que ela está obrigando é regra. O que vai totalmente contra os textos de Ellen White, não vê isso somente os cegos fanáticos!

    ResponderExcluir
  7. Mais uma ordem cronológica dos escritos de Ellen White sobre o tema comer carne:

    Sequencia cronológica da Visão Quanto à Reforma de Saúde

    “Foi na casa do irmão A. Hilliard, em Otsego, Michigan, a 6 de junho de 1863, que me foi exposto em visão o grande tema da reforma de saúde”. Review and Herald, 8 de Outubro de 1867. CRA 481
    Mas desde que o Senhor me apresentou, em junho de 1863 a questão do comer carne em relação com a saúde, deixei o uso desse alimento. Idem 482

    Ela Deixou não impôs a ninguém ou excluiu quem não abandonou

    Em 1881 ela escreveu:
    "A questão acerca de se devemos comer manteiga, carne ou queijo, não deve ser apresentada como prova a quem quer que seja, mas devemos educar as pessoas, mostrando os males das coisas que são censuráveis. Os que apanham essas coisas e as impõem aos outros não sabem qual a obra que estão realizando. A Palavra de Deus deu provas para Seu povo. A observância da santa lei de Deus, o sábado, é uma prova, um sinal entre Deus e Seu povo através de todas as suas gerações, para sempre. Para sempre isto será o tema principal da mensagem do terceiro anjo - os mandamentos de Deus e o testemunho de Jesus Cristo. Chá, café, fumo e álcool precisam ser apresentados como condescendências pecaminosas. Não podemos pôr a carne, os ovos, a manteiga e o queijo em pé de igualdade com esses artigos colocados sobre a mesa. Estes não devem ser postos na frente, como o tema principal de nossa obra." 3 ME 287

    Em 1894
    "Quando não me foi possível obter o alimento de que necessitava, comi um pouco de carne algumas vezes; mas estou ficando cada vez mais atemorizada de fazê-lo." CRA 394

    Mesmo após 21 anos que ela disse ter abandonado a carne voltou a comer, e não foi disciplinada ou excluída e tão pouco perdeu o dom de profecia.

    Em 1895
    “Nunca julguei ser meu dever dizer que ninguém deveria provar carne, sob quaisquer circunstâncias.” Carta 76, 1895. CRA 462,463

    Em 1896
    Neste país [Austrália] existe uma sociedade vegetariana organizada, mas é relativamente pequeno o número de seus associados. Entre o povo em geral, a carne é usada largamente, por todas as classes. É o artigo de alimentação mais barato; e mesmo onde a pobreza impera encontra-se em geral a carne sobre a mesa. Por isso, tanto maior a necessidade de usar de prudência ao lidar com a questão do comer carne. Com relação a este assunto não deve haver movimentos precipitados. Devemos considerar a situação do povo, e o poder de hábitos e práticas de toda uma vida, e ser cautelosos em não impor aos outros nossas idéias, como se esta questão fosse um teste, e os que comem carne fossem os maiores pecadores.

    Todos devem ser esclarecidos neste assunto, mas seja ele apresentado cuidadosamente. Hábitos que foram por toda a vida ensinados como sendo corretos, não devem ser mudados por medidas rudes ou precipitadas. Carta 102, 1896. (idem 462)

    Em 1901 38 anos após a luz e ela ainda volta a comer novamente.
    Cortei imediatamente a carne de meu cardápio. Depois disto fui por vezes colocada em situações em que me senti compelida a comer um pouco de carne. Carta 83, 1901. (Idem 487)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em 1902
      “Se bem que não tornemos o uso do alimento cárneo um teste, se bem que não queiramos forçar ninguém a abandonar seu uso, todavia é nosso dever instar para que pastor algum da associação faça pouco da mensagem de reforma nesse ponto, ou a ela se oponha.”. Carta 48, 1902. (Idem 401)

      Muitos que são agora só meio convertidos quanto à questão de comer carne, sairão do povo de Deus, para não mais andar com ele. (Idem 382)

      Em 1907
      Eu disse a Sara: Apanhe umas galinhas do meu galinheiro, e prepare-lhes um caldo. Assim Sara os tratou em sua doença, dando-lhes desse caldo. Logo se restabeleceram.
      Esta foi nossa maneira de proceder. Não dissemos ao povo: Vocês não devem comer carne. Embora nós mesmos não usássemos carne, quando a julgamos necessária àquela família em sua doença, demos-lhe aquilo que julgávamos precisarem. Há ocasiões em que temos de ir ao encontro das pessoas onde se acham. Carta 363, 1907. CRA,466 (Idem 467)
      Em 1908
      É para o bem deles próprios que o Senhor aconselha a igreja remanescente a rejeitar o uso de alimentos cárneos, chá, café e outros alimentos nocivos. Há quantidade de outras coisas de que nos podemos alimentar, as quais são benéficas e boas. Manuscrito 71, 1908. (Idem 381)

      Em 1909
      Não nos compete fazer do uso da alimentação cárnea uma prova de comunhão;
      (idem. 405) (conferir a data no livro TI,9, pag 159)

      No conjunto da reforma de saúde encontramos 3 princípios básicos

      1º a reforma dietética deve ser progressiva
      2º não indicamos nenhuma linha a ser seguida em regime
      3º não me ponho como critério para os outros

      Excluir
  8. Oi Silvana parece que os texto estão em contradição com as datas ,sabe porque? Porque os asd são peritos em mudar as datas. Exemplo. ”Ao recapitular a nossa história passada, havendo revisado cada passo de progresso até ao nosso nível atual, posso dizer: Louvado seja Deus! Ao ver o que o Senhor tem efetuado, encho-me de admiração e de confiança na liderança de Cristo. Nada temos que recear quanto ao futuro, a menos que esqueçamos a maneira em que o Senhor nos tem guiado, e os ensinos que nos ministrou no passado”.LifeSketches,pág.196. Veja só o mesmo texto com datas adulteradas . Eventos Finais,,pg, 63,64.(1902) e nos testemunhos seletos, vl.3.pg443.(1915) 13 anos de diferença.
    “Mas desde que o Senhor me apresentou, em junho de 1863 a questão do comer carne em relação com a saúde, deixei o uso desse alimento” . Conselhos sobre o Regime Alimentar,”idem, pg 482. (1864). “Não mudei minha conduta em nada, desde que adotei a reforma de saúde. Não voltei nem um passo atrás desde que a luz do Céu iluminou pela primeira vez o meu caminho. Rompi com tudo imediatamente – com carne e manteiga ”.idem, pg 483. (1870) “Todos os que chegam à minha mesa são bem-vindos, mas diante deles não ponho carne. Cereais, verduras, e frutas frescas ou em conserva, constituem nosso cardápio”.pg 489.(1896). “Não comemos carne nem manteiga, e usamos muito pouco leite no preparo da comida ”.idem, pg 489.(1899). )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ignorancia trás uma paz de espirito sem igual. Amigo aconselho-te a primeiro a entender o que lê. As datas citadas são diferentes nos livros que vc citou por se tratar da data de compilação e não de escrita. Perceba a diferença na forma em que as datas são apresentada e vc vai entender. As datas estão certíssimas uma de Escrita outra de Copyrigth.

      Excluir

  9. “Como apenas duas refeições por dia, e sigo ainda a luz a mim comunicada trinta e cinco anos atrás. Não uso carne”. idem, pg 490. (1903). “tão “difícil deixar de comer carne, como é ao alcoólatra o abandonar a bebida; mas se sentirão muito melhor com a mudança”. idem, Pg 396,397) (1905) “Não dê nenhum de nossos pastores um mau exemplo no comer carne. Idem, Pg 399.(1902). “Porventura os pastores, que estão a proclamar a verdade mais solene já enviada aos mortais, devem constituir-se exemplo no regresso às panelas de carne do Egito? É lícito que os que são sustentados pelos dízimos dos celeiros de Deus se permitam a condescendência que tende a envenenar a corrente vivificadora que lhes flui nas veias? .”idem, pg 404,(1909) . ”Não se anime o preparo de pratos compostos, em qualquer proporção, de alimento cárneo ,pois este aponta para as trevas e ignorância do Egito”.idem, 475 (1913). “Se em face da luz que Deus tem dado acerca do efeito de comer carne sobre o organismo, continuais ainda a fazê-lo, deveis sofrer as consequências. Não tomeis, porém, diante do povo, uma atitude que lhes permita pensar que não é necessária uma reforma quanto ao comer carne. Porque o Senhor está requerendo essa reforma. Ele nos deu a obra de proclamar a mensagem da reforma de saúde, e se não podeis avançar nas fileiras dos que a estão proclamando, não o deveis tornar notório. Neutralizando o trabalho de vossos coobreiros, que estão ensinando a reforma de saúde, estais fora de ordem, trabalhando do lado errado. Carta 48, (1902). Idem, Pg 401. “Todos nós estamos relacionados com a reforma de saúde. Mas quando visito o Retiro, vejo que há muito marcante afastamento da reforma de saúde no que concerne ao comer carne, e estou convicta de que importa haver mudança, e isto imediatamente. Vosso regime é em grande parte composto de carne. Deus não está conduzindo nessa direção; o inimigo busca estabelecer a questão do regime em bases errôneas mediante o conduzir os que estão dirigindo a instituição a acomodar o regime ao apetite dos doentes”. Idem,Pg406.(1884)

    ResponderExcluir
  10. “ser moldado para satisfazer o apetite ou as idéias de qualquer pessoa. Estou apercebida do fato de que a desculpa quanto à permissão de comer carne na instituição tem sido que os buscadores do prazer que ali chegam não se agradam de qualquer outra alimentação. Deixem-nos então ir a qualquer lugar em que possam obter o regime que desejam. Quando a instituição não puder ser dirigida, mesmo para os hóspedes, em harmonia com os justos princípios, tire ela então o nome que se atribuiu”. Idem,pg4o6, 407.(1884) . “Deus não providenciou carne de animais mortos como parte do regime alimentício do homem. É um gosto grosseiro, pervertido, que aceita esse alimento”. .idem.pg 411 (1898). “O uso da carne não deve entrar nas prescrições para nenhum inválido de quaisquer médicos dentre os que compreendem estas coisas .idem, Pg,411.(1898). “ “EU VOS ESCREVO meu irmão, para que não mais sejam dadas em nosso hospital prescrições para comer carne. Não há desculpas para isso”. Idem. Pg 412.(1898)..” Silvana de que lado você está dos justo ou dos ímpios ?.proverbio : 12.10 “O justo atenta para a vida dos seus animais, mas o coração dos perversos é cruel”.
    Você esta do lado dos convertidos ou dos meio convertidos?. “Muitos que são agora só meio convertidos quanto à questão de comer carne, sairão do povo de Deus, para não mais andar com ele”. Conselhos sobre o Regime Alimentar.” 382.(1902). A Profecia diz que Deus teria um povo vegetariano ,graças a Deus que hoje ele tem. ”Nenhuma carne será usada por seu povo.” Conselhos sobre o Regime Alimentar.” Pg,82.(1844).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arismar, não fica perdendo tempo acusando a igreja adventista de ter mudado data dos escritos de Ellen White, pois se for assim as datas que você colocou nos textos que ela escreveu, podem também estar erradas, pois Deus deixou na mão deles os escritos da profetiza que você acredita e não nas mãos dos reformistas. Se você começar a duvidar de tudo que os adventista escrevem nos textos de Ellen White é melhor nem crê nela e ter esse tipo de dúvida é perigoso, pois você acaba questionando o próprio Deus pois foi Ele quem fez isso, foi Ele que deixou os adventistas publicarem os livros de Ellen White. Ele não deixou os reformistas fazer isso. Você não tem esse direito. Vocês não possuem o patrimônio White pois ela deixou na mão da igreja adventista, pois sabia que essa igreja seria até o fim o povo escolhido de Deus e que seus escritos iriam ser publicados e bem guardados por eles. Se Ellen White tivesse previsto em visão que Deus suscitaria outra igreja, ela teria deixado isso escrito e feito um testamento para ela. Veja, a reforma surgiu em 1914 e Ellen White morreu em julho de 1915 ela poderia ter deixados para a reforma seus escritos, mas não deixou, porque a reforma é um falso movimento. Então esquece esse argumento de data errada.

      Quanto a estar entre os meios convertidos, gostaria de saber o que é "meio convertido"? Se convertido for sinônimo de convicto, eu sou convicta, não como carne. Mas a profecia nesse caso não se enquadra na reforma, pois lá não tem pessoas com dúvidas sobre comer carne, mas na igreja adventista sim tem vários e só nela se cumprirá essa profecia, pois a reforma quando saiu da IASD não era vegetariana e só se tornou obrigatório o ser vegetariano 10 anos depois, então essa profecia do meio convertido sair da igreja ainda não se cumpriu e esta no futuro, ou seja, na chuva serôdia.

      Outra coisa que se esqueceu e acho que deveria se dar por vencido e deixar esse post em paz é o fato da própria Ellen White ter dito em mais de um texto que não era para fazer prova de comunhão quanto a carne, ou seja, não pode deixar de batizar uma pessoa que aceitou a Jesus e o sábado porque não vê sentido em deixar de comer carnes limpas, pois Jesus comeu, está escrito na Bíblia.

      Excluir
  11. ADÃO:
    No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás.
    Gênesis 3:19
    O SENHOR Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora tomado.
    Gênesis 3:23
    Pois os filhos de Israel lhes disseram: Quem nos dera que tivéssemos morrido pela mão do Senhor na terra do Egito, quando estávamos sentados junto às panelas de carne, quando comíamos pão até fartar! porque nos tendes tirado para este deserto, para matardes de fome a toda esta multidão.Êxodo 16:3

    POVO DE ISRAEL:
    Disse mais Moisés: Isso será quando o Senhor à tarde vos der carne para comer, e pela manhã pão a fartar, porquanto o Senhor ouve as vossas murmurações, com que murmurais contra ele; e quem somos nós? As vossas murmurações não são contra nós, mas sim contra o Senhor. Êxodo 16:8
    E ainda prosseguiram em pecar contra ele, provocando ao Altíssimo na solidão.
    E tentaram a Deus nos seus corações, pedindo carne para o seu apetite.
    E falaram contra Deus, e disseram: Acaso pode Deus preparar-nos uma mesa no deserto?
    Eis que feriu a penha, e águas correram dela: rebentaram ribeiros em abundância. Poderá também dar-nos pão, ou preparar carne para o seu povo?
    Portanto o SENHOR os ouviu, e se indignou; e acendeu um fogo contra Jacó, e furor também subiu contra Israel;
    Salmos 78:17-21
    Não refrearam o seu apetite. Ainda lhes estava a comida na boca,
    Quando a ira de Deus desceu sobre eles, e matou os mais robustos deles, e feriu os escolhidos de Israel.
    Com tudo isto ainda pecaram, e não deram crédito às suas maravilhas.
    Por isso consumiu os seus dias na vaidade e os seus anos na angústia.
    Salmos 78:30-33

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O portal da macumbaria. Iridologia é macumba abra os olhos irmão. Mas os seus olhos os dos outros não.

      Excluir
  12. DANIEL:
    E Daniel propôs no seu coração não se contaminar com a porção das iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; portanto pediu ao chefe dos eunucos que lhe permitisse não se contaminar.
    Ora, Deus fez com que Daniel achasse graça e misericórdia diante do chefe dos eunucos.
    E disse o chefe dos eunucos a Daniel: Tenho medo do meu senhor, o rei, que determinou a vossa comida e a vossa bebida; pois por que veria ele os vossos rostos mais tristes do que os dos outros jovens da vossa idade? Assim porias em perigo a minha cabeça para com o rei.
    Então disse Daniel ao despenseiro a quem o chefe dos eunucos havia constituído sobre Daniel, Hananias, Misael e Azarias:
    Experimenta, peço-te, os teus servos dez dias, e que se nos dêem legumes a comer, e água a beber.
    Então se examine diante de ti a nossa aparência, e a aparência dos jovens que comem a porção das iguarias do rei; e, conforme vires, procederás para com os teus servos.
    E ele consentiu isto, e os experimentou dez dias.
    E, ao fim dos dez dias, apareceram os seus semblantes melhores, e eles estavam mais gordos de carne do que todos os jovens que comiam das iguarias do rei.
    Assim o despenseiro tirou-lhes a porção das iguarias, e o vinho de que deviam beber, e lhes dava legumes.
    Daniel 1:8-16
    PROVÉRBIOS:
    Melhor é a comida de hortaliça, onde há amor, do que o boi cevado, e com ele o ódio.Provérbios 15:17

    Ouve tu, filho meu, e sê sábio, e dirige no caminho o teu coração.
    Não estejas entre os beberrões de vinho, nem entre os comilões de carne.
    Porque o beberrão e o comilão acabarão na pobreza; e a sonolência os faz vestir-se de trapos.
    Provérbios 19:21 à 26

    ISAIAS:

    Porém eis aqui gozo e alegria, matam-se bois e degolam-se ovelhas, come-se carne, e bebe-se vinho, e diz-se: Comamos e bebamos, porque amanhã morreremos.
    Mas o SENHOR dos Exércitos revelou-se aos meus ouvidos, dizendo: Certamente esta maldade não vos será expiada até que morrais, diz o Senhor DEUS dos Exércitos.
    Isaías 22:13-14

    Quem mata um boi é como o que tira a vida a um homem; quem sacrifica um cordeiro é como o que degola um cão; quem oferece uma oblação é como o que oferece sangue de porco; quem queima incenso em memorial é como o que bendiz a um ídolo; também estes escolhem os seus próprios caminhos, e a sua alma se deleita nas suas abominações.
    Também eu escolherei as suas calamidades, farei vir sobre eles os seus temores; porquanto clamei e ninguém respondeu, falei e não escutaram; mas fizeram o que era mau aos meus olhos, e escolheram aquilo em que eu não tinha prazer.
    Isaías 66:3-4

    Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça.Romanos 14:21

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abraão:
      "Depois apareceu-lhe o Senhor nos carvalhais de Manre, estando ele assentado à porta da tenda, no calor do dia e levantou os seus olhos, e olhou, e eis três homens em pé junto a ele. E vendo-os, correu da porta da tenda ao seu encontro e inclinou-se à terra, e disse: Meu Senhor, se agora tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que não passes de teu servo. Que se traga já um pouco de água, e lavai os vossos pés, e recostai-vos debaixo desta árvore; e trarei um bocado de pão, para que esforceis o vosso coração; depois passareis adiante, porquanto por isso chegastes até vosso servo. E disseram: Assim faze como disseste.
      E Abraão apressou-se em ir ter com Sara à tenda, e disse-lhe: Amassa depressa três medidas de flor de farinha, e faze bolos. E correu Abraão às vacas, e tomou uma vitela tenra e boa, e deu-a ao moço, que se apressou em prepará-la. E tomou manteiga e leite, e a vitela que tinha preparado, e pôs tudo diante deles, e ele estava em pé junto a eles debaixo da árvore; e comeram.” Gênesis 18:1-8

      Aqui temos Deus comendo carne e os anjos também.

      Noé:
      "Tudo quanto se move, que é vivente, será para vosso mantimento; tudo vos tenho dado como a erva verde. A carne, porém, com sua vida, isto é, com seu sangue, não comereis." Gênesis 9:3-4

      Por um acaso planta se move? Claro que não. Então Deus mandou Noé comer carne, mas tinha que tirar o sangue antes, claro.

      Excluir
    2. O sistema de sacrificios:

      No livro do Êxodo, Números, Levítico e Deuteronômio encontrarás várias passagens onde Deus manda matar e comer a carne do animal sacrificado. O sacerdote também tinha que comer. Não vou citar os textos, pois são muitos e não há necessidade, pois já deve conhecer.

      Jesus comeu carne mais de uma vez no novo testamento:

      “E, indo eles, acharam como lhes havia sido dito; e prepararam a páscoa. E, chegada a hora, pôs-se à mesa, e com ele os doze apóstolos. E disse-lhes: Desejei muito comer convosco esta páscoa, antes que padeça;” Lucas 22:13-15
      “Então eles apresentaram-lhe parte de um peixe assado, [e um favo de mel];
      O que ele tomou, e comeu diante deles.” Lucas 24:42-43
      O parenteses significa que essa parte não faz parte de todas as copias da Bíblia somente em algumas.

      Vemos que comer carne não é PECADO, pois foi Deus que mandou comer e matar os animais. No novo testamento também não há uma proíbição, mas uma única recomendação para não comer carne e nem por isso em toda a história da igreja e mesmo Paulo que a escreveu interpretou sua fala como sendo uma ordem para se fazer prova de comunhão na igreja quanto a comer carne como faz a sua igreja. Espero que entenda isso e pare de perder seu tempo tentando refutar meu blog!

      Excluir
    3. Silvana você citou Gênesis 18:1-8 para dizer que jesus comeu carne, mais esqueceu que no banquete tinha bolos, v6,manteiga e leite,v8,A GORA O QUE ELES COMERAM?. O mesmo ocorre com o outro texto de Lc 24:42,43.Não esqueça que foi peixes que o povo queria e se rebelou conta Deus. Num 11:5,20. “ Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho(Jesus), e chamará o seu nome Emanuel.
      Manteiga e mel comerá, quando ele souber rejeitar o mal e ,escolher o bem”.Isaías 7:14-15 . Mel é símbolo de alimento bom. Pv 24:13. “Então Manoá disse ao anjo do Senhor(Jesus): Ora deixa que te detenhamos, e te preparemos um cabrito.
      Porém o anjo do Senhor(Jesus) disse a Manoá: Ainda que me detenhas, não comerei de teu pão; e se fizeres holocausto o oferecerás ao Senhor. Porque não sabia Manoá que era o anjo do Senhor.
      E disse Manoá ao anjo do Senhor: Qual é o teu nome, para que, quando se cumprir a tua palavra, te honremos?
      E o anjo do Senhor lhe disse: Porque perguntas assim pelo meu nome, visto que é maravilhoso”?Juízes 13:15-18 (ISA 9:6). ” Verduras, frutas e cereais, devem constituir nosso regime. Nem um grama de carne deve entrar em nosso estômago. O comer carne não é natural. Devemos voltar ao desígnio original de Deus ao criar o homem”. Manuscrito 115, 1903. Conselhos Sobre o Regime Alimentar, pg . 380. Silvana se Jesus comeu do cordeiro não foi por iguaria e sim para cumprir o ritual simbólico de seu próprio Corpo . “As ofertas apresentadas ao Senhor deviam ser sem mancha. Representavam a Cristo, de onde se conclui evidentemente que Jesus era isento de deformidade física. Era o "cordeiro imaculado e sem contaminação". I Ped. 1:19. Sua estrutura física não era maculada por qualquer defeito; o corpo era robusto e sadio. E, durante toda a vida, viveu em conformidade com as leis da Natureza”. O Desejado de Todas as Nações,pg 50. “

      Excluir
    4. “Deus requer de Seu povo crescimento progressivo. Devemos aprender que condescender com o apetite constitui o maior embaraço ao cultivo do espírito e à santificação da alma”. Conselhos Sobre o RegimeAlimentar,pg43. “ “O povo remanescente de Deus deve estar convertido. A apresentação desta mensagem, visa à conversão e santificação das pessoas. Devemos sentir neste movimento a virtude do Espírito de Deus. É esta uma mensagem maravilhosa e definida; significa tudo para quem a recebe e deve ser proclamada em alta voz. Devemos ter fé verdadeira e constante em que esta mensagem há de continuar aumentando de importância até ao fim”. IDEM,36. “Deus requer que o apetite seja dominado, e se pratique a renúncia no tocante às coisas que fazem mal. É esta uma obra que tem de ser feita antes que o povo de Deus possa ser apresentado diante dele perfeito.IDEM,pg,36. “ Todos os que são participantes da natureza divina escaparão da corrupção que pela concupiscência há no mundo. É impossível aos que condescendem com o apetite alcançar a perfeição cristã”. Testimonies , vol. 2, págs. 399 e 400. Conselhos Sobre o Regime Alimentar, pg 22. . “Não nos é possível glorificar a Deus enquanto vivemos em violação das leis da vida. Não é possível ao coração manter-se consagrado a Deus enquanto se tolera a concupiscência do apetite” Conselhos Sobre o Regime Alimentar, pg 44. “Foi-me mostrado que, se o povo de Deus não fizer esforços, de sua parte, mas esperar apenas que sobre eles venha o refrigério, para deles remover os defeitos e corrigir os erros; se nisso confiarem para serem purificados da imundícia da carne e do espírito, e preparados para tomar parte no alto clamor do terceiro anjo, serão achados em falta”. Eventos Finais, pg 168.

      Excluir
    5. Arismar, eu citei o texto completo e como tal dever ser entendido em seu sentido total como o autor fez. O autor citou tudo que Abraão pôs a mesa e no final disse: "e comeram". O autor não disse: "e eles comeram somente o leite, a manteiga e o bolo" ou " e eles comeram tudo menos a vitela". Não tem como você deduzir que Jesus e os anjos não comeram carne. Mas se Jesus e os anjos não a comeram como era costume do povo comer e veja que Abraão não preparou carne de animal velho ou adulto, mas de um animal jovem, ele ofereceu a melhor carne aos visitantes e claro se eles não comecem Abraão questionaria, não acha? Assim como hoje quando dizemos que não comemos carne as pessoas perguntam por quê, assim seria com Abraão. Mas o autor não fala nada disso porque isso não era importante, porque comer carne e matar os animais para sacrifício ou para se alimentar não é pecado como sua igreja ensina. A questão aqui é se é pecado comer carne ou não. E vemos pelos textos que nunca foi pecado comer carne e não é transgressão da lei de Deus matar animais. Jesus não só comeu a pascoa como você admitiu e não pode fugir da verdade como também multiplicou e deu as multidões a carne para comer. Se Deus queria um povo vegetariano no deserto, Ele mudou de ideia no tempo de Jesus por quê? Como Ele pode matar várias pessoas por terem desejado comer carne e depois de uns mil anos Ele volta atrás e abençoa a mesma para as pessoas comerem? Sua lógica e a da sua igreja põe Deus como um tirano irracional, como o diabo sempre quis provar que Ele fosse, mas você está equivocado. Deus é coerente, racional, lógico e verdadeiro e sabe o que faz.

      Quanto aos textos de Ellen White deviria ler melhor os outros que postei neste post onde ela fala que não é para se fazer prova de comunhão quanto a comer carnes limpas e que comer carne NÃO É PECADO! Não ponha mais Ellen White como uma louca que ora diz uma coisa ora outra, pois os textos que coloquei estão em ordem cronológica e mostra claramente que ela manteve a posição de não fazer prova até o fim de sua vida. Nem a Bíblia, nem Ellen White apoiam a sua ideia de pecado e da igreja da reforma, isso é ideia de fanático e está mais do que provado. Que os leitores do blog juguem o que é justo e correto sobre o que foi escrito aqui.

      Excluir
  13. A Silvana postou no post acima:

    “A questão aqui é se é pecado comer carne ou não...”

    Sugiro então, mais esta reflexão meus queridos.

    A Bíblia ensina que é pecado comer carne?

    Diante dos diversos textos bíblicos citados aqui pela Silvana e também pelo "portal da Iridologia" sobre o uso da carne como alimento nos registros bíblicos permitamo-nos a considerar mais este, I Reis 17:4 e 6.

    Penso que o mesmo nos ajudará a entender o fato de que a Bíblia não apoia a teoria de que comer carne seja um ato pecaminoso.

    I Reis 17:4 e 6.

    Antes da transladação de Elias mencionada em II Reis 2:11, ele foi sustentado diariamente pela providência divina por corvos que lhe traziam pão e carne (I Reis 17:4 e 6). SE FOSSE PECADO COMER CARNE de animais limpos, Deus com certeza teria ordenado aos corvos alimentar o profeta com outro tipo de alimento. E mais, se concluímos que comer carne é pecado temos que concluir também que DEUS É O RESPONSÁVEL por induzir Elias a cometer tal “pecado”!

    Queridos não é pecado comer carne!

    PORÉM, eu sugiro a seguinte reflexão.

    Se não é pecado comer carne eu posso continuar comendo normalmente esse alimento!

    O pecado, meus queridos consiste em rejeitar a mensagem que Deus em Sua sabedoria nos revelou... Temos que considerar que o PECADO consiste em tentar limitar a Deus e afirmar que Ele não pode nos recomendar o retorno a melhor dieta bíblica, a dieta original a dieta de Gêneses 1:29. Isto sim é pecado meus queridos.

    Deus mostrou REPETIDAMENTE algo que nós relutamos a enxergar.

    Afirmou EGW:

    “Tem-me sido REPETIDAMENTE MOSTRADO que Deus está procurando levar-nos de volta, passo a passo, a Seu desígnio original - que o homem SUBSISTA com os produtos naturais da terra”. Conselhos Sobre Saúde, pág. 450.

    Como escrevi aqui neste tópico em 30 de setembro de 2012 09:22
    TANTO OS REFORMISTAS, como nós, OS ADVENTISTAS DO 7° DIA não estamos seguindo as devidas orientações de Deus quanto ao assunto da alimentação cárnea.

    Os reformistas pecam pela rigidez com que tratam esse assunto e nós pecamos muito em desprezar os apelos divinos em levar a igreja a buscar uma reforma.

    Em 1898 EGW inspirada pelo Espírito de Deus disse: “O Senhor DESEJA levar Seu povo a uma situação em que não toquem NEM PROVEM carne de cadáveres”. CSRA, 411. Ela esclarece, de forma CRISTALINA, o desejo do Senhor quanto a essa questão.

    EGW falou de algo que Deus lhe revelou:

    Em 1902 ela disse: “Foi-me mostrado claramente que o povo de Deus DEVE ASSUMIR ATITUDE FIRME contra o comer carne. Daria Deus... a Seu povo a mensagem de que... precisa abandonar o uso da carne, se Ele não quisesse que eles dessem ouvidos a essa mensagem?” CSRA, pág.383.
    Irmãos, EGW nesse texto infere claramente que Deus não lhe daria a mensagem para abandonarmos o uso da carne se esta não fosse a Sua vontade.

    Repito então meus queridos. Não é pecado comer carne. Pecado é resistir à vontade de Deus para a nossa vida! Pecado é não querer abandonar tal alimento, ESTANDO EM CONDIÇÕES de efetuar a mudança.
    Se estamos cientes de que Deus claramente revelou que devemos abandoná-lo e estando em condição de fazêlo resistimos à vontade de Deus, estamos em pecado.

    Na verdade o pecado consiste em rejeitar o que o Espírito Santo revelou a Sua mensageira. Isto sim é um pecado gravíssimo meus queridos.

    Reflitamos no que Jesus nos diz em Lucas 6:46: “Por que me chamais Senhor, Senhor, E NÃO FAZEIS O QUE VOS MANDO?”.

    Reflitam também na séria advertência registrada em Mateus 7:21 sobre a consequência da rebeldia em fazer a Sua vontade.

    Que Deus nos ajude a compreender o nosso dever e a nossa responsabilidade para com a luz que o Senhor nos revelou.
    Um abraço fraternal a todos.

    ResponderExcluir
  14. Querido Irmão Fábio Dionel ,fiquei muito contente em saber que o irmão entendeu que pecado é não aceitar as advertências de Deus. De 1844 até a segunda vinda de Cristo, O povo de Deus passa por três fases na alimentação. 1° PÃO E CARNE ,I REIS 17:6. 2° PÃO E AZEITE, I REIS 17:9,11. 3° PÃO E ÁGUA ,IREIS 19:6. “Vi que havia um tempo de angústia diante de nós, em que premente necessidade compelirá o povo de Deus a viver de pão e água. ... No tempo de angústia ninguém se afadigará com as mãos. Seus sofrimentos serão mentais, e Deus proverá alimento para eles”. Manuscrito 2, 1858. “ Pão e água é tudo o que foi prometido aos remanescentes no tempo de angústia”. História da Redenção, pág. 129. “Será para nós então tempo de confiar inteiramente em Deus, e Ele nos sustentará. Vi que nosso pão e nossa água serão certos nesse tempo, e que não teremos falta nem padeceremos fome, pois Deus é capaz de estender para nós uma mesa no deserto. Se necessário Ele enviaria corvos para alimentar-nos, como fez com Elias, ou faria chover maná do céu, como fez para os israelitas”. Primeiros Escritos, pág. 56.Isaias 33:16. 1844 tempo de reforma. IS 22:12-14,20-22 APC 3:7,8,14 AT3:21 ML 4:5,6 MT 17:11 HB 9:10 .Mudança de hábitos na alimentação. PV 12:10 EZ4:14 AT 10:14 1COR 8:13 RM 14:21 Tg 4:17. ALIMENTO DO CÉU. MT 26:29 AP 2:7,17 22:1,2 EZ47:12 IS 65:25.

    ResponderExcluir
  15. Prezado Arismar, a visão de alguns líderes do movimento de reforma é que o comer carne é pecado!

    Isso não se harmoniza com a Bíblia nem com os Testemunhos da mensageira do Senhor EGW.

    Em 1889 ela afirmou:
    “Aconselho a todos os guardadores do sábado a não comer carne, NÃO PORQUE É CONSIDERADO COMO PECADO COMER CARNE, mas porque não é saudável. A criação animal está suspirando. Ms 15, 1889. Ellen G. White Estate, Washington DC 7 de agosto de 1986. Manuscrito. (16MR 173,3).

    Participando em outros blogs, percebi que alguns desprezam o texto onde ela disse que circunstâncias existem em que os que tem fracos órgãos digestivos podem muitas vezes comer carne:
    1894: “O regime cárneo não é o mais saudável, e todavia EU NÃO TOMARIA a atitude de que ele deva ser rejeitado POR TODA PESSOA. Os que têm órgãos digestivos fracos podem, muitas vezes, comer carne, quando não lhes é possível ingerir frutas, verduras ou mingaus” (CSRA, p. 394,395).

    Aqui vemos o cuidado de Deus em não permitir a exclusão da comunhão com Ele nem com a igreja as pessoas que desejam pertencer ao Seu povo, mas que devido a problemas de saúde, em certos casos de doenças não estejam em condições de serem vegetarianas, pelo menos, num determinado momento, ou seja, quando elas não conseguem ingerir “frutas, verduras e mingaus”.
    Observamos neste texto uma EXCESSÃO para pessoas com “órgãos digestivos fracos”.

    A rigidez com que alguns do movimento de reforma tratam esta questão, penso eu, diante dos textos apresentados, está errada.

    Como escrevi, Nem a Bíblia nem os escritos de EGW, ensinam que o comer carne seja um ato pecaminoso.

    O problema nosso (sou membro da IASD) é tratarmos com indiferença os planos de Deus nesta questão. Incorremos em pecado quando nos rebelamos contra a vontade do Sábio Criador.

    Qual é a vontade de Deus nesse assunto do alimento cárneo?
    Quando fazemos uma pesquisa imparcial nos escritos inspirados vemos MUITAS declarações de EGW quanto a este assunto, afirmando: "O Senhor me mostrou..." Foi-me mostrado claramente..." Fui instruída..." etc.
    O pecado entre muitos do nosso povo (ASD) é ignorar os reclamos de deus nesse sentido.

    Desprezar os apelos para uma reforma é ir contra a VONTADE DE DEUS.

    Assim concluo que o pecado não é o fato de alguém comer carne, mas desprezar os apelos de Deus o qual nos convida a um retorno ao regime original.

    A rebelião contra a VONTADE DE DEUS é um pecado gravíssimo.

    Que Deus nos ajude a buscarmos o verdadeiro equilíbrio nessa questão.

    Que os reformistas entendam que há exceções para a regra e que nós ASD entendamos o grave pecado da rebelião contra o propósito de Deus para o Seu povo.

    Grande abraço irmão Arismar e demais que acompanham este blog.

    ResponderExcluir
  16. Fábio nunca esqueça que a reforma de saúde é progressiva e não regressiva. (1878) “Deus requer de Seu povo crescimento progressivo. Devemos aprender que condescender com o apetite constitui o maior embaraço ao cultivo do espírito e à santificação da alma”. Conselhos Sobre o RegimeAlimentar,pg45. (1902) Progridamos com inteligência na simplificação de nosso regime. Na providência de Deus, cada país produz artigos alimentares que contêm o nutrimento necessário para a construção do organismo. Esses produtos podem ser transformados em pratos saudáveis e apetitosos. Carta 135, . IDEM 94. (1909) “O povo remanescente de Deus deve estar convertido. A apresentação desta mensagem, visa à conversão e santificação das pessoas. Devemos sentir neste movimento a virtude do Espírito de Deus. É esta uma mensagem maravilhosa e definida; significa tudo para quem a recebe e deve ser proclamada em alta voz. Devemos ter fé verdadeira e constante em que esta mensagem há de continuar aumentando de importância até ao fim”. IDEM,36. (1894)“O regime cárneo não é o mais saudável, e todavia EU NÃO TOMARIA a atitude de que ele deva ser rejeitado POR TODA PESSOA. Os que têm órgãos digestivos fracos podem, muitas vezes, comer carne, quando não lhes é possível ingerir frutas, verduras ou mingaus” (CSRA, p. 394,395. ).

    ResponderExcluir
  17. (1898) “O uso da carne não deve entrar nas prescrições para nenhum inválido de quaisquer médicos dentre os que compreendem estas coisas .idem, 411. (1898) “EU VOS ESCREVO meu irmão, para que não mais sejam dadas em nosso hospital prescrições para comer carne. Não há desculpas para isso”. Idem. 412. (1878) “Não nos é possível glorificar a Deus enquanto vivemos em violação das leis da vida. Não é possível ao coração manter-se consagrado a Deus enquanto se tolera a concupiscência do apetite” Conselhos Sobre o Regime Alimentar, IDEM 44. ( 1903) “O comer carne não é natural. Devemos voltar ao desígnio original de Deus ao criar o homem”. 115, (1890)”A continuada transgressão das leis da Natureza é uma permanente transgressão da lei de Deus. Tivessem os homens sido sempre obedientes à lei dos Dez Mandamentos, procurando viver os princípios desses preceitos, a maldição das enfermidades que agora inundam o mundo não existiria”.IDEM 118 1902).“Muitos que são agora só meio convertidos quanto à questão de comer carne, sairão do povo de Deus, para não mais andar com ele”. Conselhos sobre o Regime Alimentar.”IDEM382.. (1884)Nenhuma carne será usada por seu povo.” Conselhos sobre o Regime Alimentar.” Pg,82. (1913) ”Não se anime o preparo de pratos compostos, em qualquer proporção, de alimento cárneo ,pois este aponta para as trevas e ignorância do Egito”.idem, 475

    ResponderExcluir
  18. Prezado irmão Arismar, por vários anos tenho defendido os princípios da reforma de saude entre o nosso povo.
    Compreendo ser um grande desafio falar de um assunto que para muitos é chato.
    Veja alguns dos muitos artigos que eu já preparei para divulgar a reforma de saude:

    A obra da reforma de saude (1ª parte)
    http://classejovemguara.blogspot.com.br/2009/07/obra-da-reforma-de-saude-1-parte.html

    A obra da reforma de saude (2ª parte)
    http://classejovemguara.blogspot.com.br/2009/07/obra-da-reforma-de-saude-2-parte.html

    A obra da reforma de saude (3ª parte)
    http://classejovemguara.blogspot.com.br/2009/07/obra-da-reforma-de-saude-3-parte.html

    ResponderExcluir
  19. A aceitação da mensagem é individual e Deus conforme prometeu há de fazê-la triunfar, aqueles dentre nós que não estiverem interessados neste progresso sofrerão as consequências, porém é nosso dever amá-los e ajudá-los em cada fase deste processo.
    Que a paz de Deus esteja com você meu irmão.

    ResponderExcluir
  20. Fábio Dionel gostei muito dos seus artigos sobre reforma de saúde e como disse Jesus se não é contra nós é por nós.
    Mas quero dizer para o irmão que esta mensagem não é só individual mais também para o povo.
    Conselhos Sobre O Regime Alimentar Pg 23, “Os princípios do regime alimentar significam muito para nós, individualmente, e como povo”. Pg,22,”O Senhor em sabedoria designou conduzir o Seu povo a uma posição em que ele seja separado do mundo no espírito e na prática, a fim de que os Seus filhos não sejam tão prontamente levados à idolatria e não sejam maculados com a corrupção prevalecente neste século”.”.
    Pg 36 “Fui incumbida de dirigir uma mensagem a todo o nosso povo no tocante à reforma de saúde; pois muitos se têm desviado de sua anterior fidelidade a esses princípios”.
    Pg 40 “Como povo precisamos humilhar nosso coração diante de Deus; pois as cicatrizes de nossa incoerência estão em nossa prática”.
    PG 69 “Em 10 de dezembro de 1871 foi-me mostrado novamente que a reforma de saúde é um ramo da grande obra que deve preparar um povo para a vinda do Senhor”
    PG 69 “os alimentos cárneos não constituem alimentação própria para o povo de Deus”.
    Pg 359 “O Senhor dará a Seu povo em todas as partes do mundo, arte e habilidade no regime alimentar, ensinando-lhes a maneira de usar os produtos da terra para o sustento da vida”.

    ResponderExcluir
  21. Pg 409 “Não alegueis, eu vos rogo, que o comer carne deve ser correto, porque este ou aquele, que é escravo do apetite, disse que não pode viver no Retiro de Saúde sem carne. Manter-se de carne de animais mortos é uma maneira grosseira de viver, e como um povo, devemos estar operando uma mudança, uma reforma, ensinando ao povo que há preparações de alimentos que lhes darão mais forças, e lhes conservarão mais a saúde do que a carne”.
    Pg 160“O povo ao qual Deus dirige será um povo peculiar. Não serão semelhantes ao mundo”.
    Pg 69“O Senhor lhes mostrará o que fazerem. Aquele que concede perícia e sabedoria ao Seu povo numa parte do mundo, concederá perícia e sabedoria ao Seu povo noutras partes do mundo. É Seu desígnio que as preciosidades alimentares de cada país sejam preparadas de forma tal que possam ser usadas nos países a que se destinam. Assim como Deus forneceu do Céu o maná para o sustento dos filhos de Israel, também dará ao Seu povo, em diferentes lugares, perícia e sabedoria para usarem os produtos desses países no preparo de alimentos que substituam a carne”.
    Pg 38 “Tem-nos sido entregue a obra de promover a reforma de saúde. O Senhor deseja que o Seu povo viva em mútua harmonia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em nenhum de seus textos Ellen disse que devemos fazer prova de comunhão sobre a carne. Uma coisa é a carne fazer mal e não dever ser usada pelo povo de Deus outra coisa é dizer que quem come carne está em pecado e não pode ter comunhão com a igreja através do batismo por usar esse tipo de alimento sendo que Jesus multiplicou e abençoou esse alimento no tempo em que viveu na terra. Espero que pare de colocar textos de Ellen White que não provam sua teoria. A partir de agora só aprovo comentário que contenha um texto de Ellen White onde ela diz que deve ser exigido do candidato ao batismo que seja vegetariano e que comer carne é pecado como prega a reforma. Se não tiver, então esqueça esse blog e vai encher o saco de outro!

      Excluir
    2. Se estressou? Só porque que ele tá falando a verdade, não pode provar o contrário aí quer calar a boca dele né? Kkkk

      Excluir
    3. kkkk... você deve ser analfabeta funcional, né?! Não deve nem ter lido os textos de Ellen White que postei, mas só os que o Arismar escreveu aqui. Se entendesse o que lê saberia que Ellen White disse para não fazer prova de comunhão sobre comer carne, mas se quer viver no engano viva. Não precisa vim aqui passar vergonha não!

      Excluir
  22. Nossa, gostei da exposição clara e concisa postada por Arismar. Existem muitos grupos não religiosos, médicos, nutricionistas que ensinam que o melhor é não se alimentar de animais mortos. E vai além, o veganismo no mundo, tanto na Europa como nos demais países está em amplo progresso. Nem animais mortos consomem, nem leite, nem queijo e nem ovo. Vejam no YouTube pessoas de todos os raças, tribos urbanas, agnósticos, ateus ensinando como preparar refeições sem derivados de animais. Fico decepcionada com pessoas que ainda em 2016 ficam com esse mimimi de que não pode viver sem carne. Arrumem outra desculpa. O mundo evoluiu. Nem os humanos, nem os animais querem sofrer. Ninguém quer morrer. Então não mate os animais com o seu garfo. Existem leis que louco a pouco estão protegendo cada vez mais os animais. Que retrocesso querer ensinar que comer carne possa ser bom nos nossos dias. Tantas variedades, vegetais no mercado, supermercado...até salsichas, linguiças vegetais existem. Bacon vegetal, imitação de frango... Até para satisfazer quem vai morrer com saudade das comidas do Egito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguém aqui está defendendo o alimento cárneo. A questão aqui não é se comer carne faz bem ou mal para a saúde. A questão discutida é se a igreja da reforma pode ou não fazer do comer carne um pecado que tira as pessoas do céu e proibir as pessoas que ainda comem esse tipo de alimento da comunhão da igreja. A questão aqui é doutrinária e baseada no estudo da Bíblia e do Espírito de Profecia. O que o mundo pensa ou mesmo ateus não nós interessa e nem conta como argumento a favor ou contra nada aqui. Aconselho prestar mais atenção ao que lê!

      Excluir
  23. Silvana o tema da alimentação é dividido em fases. Na época que vivemos ela falou nenhuma grama de carne deveria entrar.. Se eu recebi esta luz e não sigo, Deus não irá me cobrar no dia do juízo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você não deve ter lido o estudo que postei. Volta lá e lê direitinho e presta bem atenção nas datas em que foi escrito cada texto e verá que não existe essa historinha de fases que o movimento de reforma te ensinou. Ellen White morreu acreditando que comer carne limpa não é pecado.

      Excluir

Ao fazer seu comentário lembre-se de falar sobre o tema da postagem e não coloque endereços de outros sites e blogs. Não publico comentários que não estejam de acordo com as regras.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...