domingo, 5 de outubro de 2014

O adventista pode votar? Um estudo baseado em Ellen G. White e na Bíblia.

Segundo o movimento de reforma a igreja não pode deixar seus membros votarem e o cristão não deve participar nas decisões do país onde mora. Para eles isso é pecado e questão de doutrina. Nesse estudo visamos esclarecer se realmente é pecado votar e ainda se a igreja tem direito de proibir o membro de participar de eleições ou ser político.

sábado, 27 de setembro de 2014

Textos de Ellen G. White mal interpretados pelos "Reformistas"

Os movimentos reformistas como o de 1914, 1951, etc., são mestres em torcer e aplicar de maneira errônea textos da Bíblia e do Espírito de Profecia, para darem ar de crédito às suas ideias. Eles usam os escritos de Ellen White de uma maneira errada para acusarem a IASD. Em muitas citações onde a irmã White dá aconselhamentos e mesmo repreensões à Igreja, em determinados momentos, os reformistas usam estes textos para demonstrar que Deus rejeitou a IASD. Usam os textos fora do seu contexto de forma até absurda... Vejamos alguns exemplos:

sábado, 20 de setembro de 2014

9 Perguntas Feitas pelos Adventistas que o Movimento de Reforma não Respondeu em Friedensau

"L. R. Conrad — Agora temos algumas perguntas à Associação Geral, as quais apresento aqui.

1ª pergunta: Nossa direção falhou ao tolerar o serviço militar de nossos irmãos em tempo de paz e a freqüência de nossos filhos às escolas no Sábado?

É preciso ter em conta que todos estavam animados do vivo desejo de conseguir, dentro do possível, o Sábado livre para ambas as partes. Nossos irmãos permaneceram encarcerados durante anos, não porque se negassem a prestar o serviço militar, mas por desejarem ter o Sábado

domingo, 14 de setembro de 2014

Estudo sobre Casamento, Divórcio e Novo Casamento

A discussão entre adventistas quanto ao divórcio e novas núpcias remonta ao início da história da IASD, por ocasião da organização de sua primeira associação. No entanto, uma posição da instituição sobre o assunto só definiu-se em tempos mais recentes. Diante disso, vê-se como pertinente uma compreensão da postura da IASD sobre a questão em suas primeiras décadas, por meio do posicionamento de Ellen G. White expresso em seus escritos. Este artigo discorre sobre a posição de Ellen G. White a respeito de casamento, divórcio e novo casamento. Descreve sucintamente sua visão sobre a natureza e preparo para o matrimônio e procura sistematizar os conselhos dados por ela às famílias que se depararam com essas situações.

sábado, 13 de setembro de 2014

Reflexões Sobre a I Guerra Mundial Segundo a Revista Adventist Word

Artigo de Capa

Amar nosso Inimigo? Reflexões sobre o Centenário da I Guerra Mundial

Escrito por Denis Kaiser

O ano de 2014 marca o centenário do início da Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Essa guerra marcou o começo de um novo período de guerras, e entrou para os anais da história como um dos conflitos rnilitares mais mortíferos que o mundo já viu. Novos métodos de matar o maior número possível de pessoas foram empregados sem hesitação.

sábado, 6 de setembro de 2014

Posição Oficial da Igreja Adventista Sobre o Serviço Militar

No mês de agosto de 2014 saiu uma matéria muito boa sobre a posição oficial da igreja Adventista do Sétimo Dia sobre servir o exército em tempo de paz e guerra que eu posto hoje no blog. Espero ajudar muitos adventistas a entenderem melhor esse assunto tão distorcido pelos reformistas para se estabelecerem como povo de Deus. 

Nessa matéria todos poderão ver a verdade sobre o tema e que a igreja adventista nunca abandonou sua posição original como acusam os inimigos.

sábado, 30 de agosto de 2014

Apostasia na Igreja ASD-Movimento de Reforma - parte 1

Na verdade são 4 condições que a igreja deveria cumprir para que pudesse ser a igreja de Deus. Neste estudo vocês saberão se a igreja Adventista da Reforma  cumpriu a primeira dessas condições. Se a igreja cumpriu, então ela é a igreja de Deus. Se não cumpriu, então nunca foi.

sábado, 24 de maio de 2014

Textos Falsificados de Ellen White pelos Reformistas

Os reformistas publicam em seus estudos dois textos que não são de Ellen White, mas são falsos.

A bíblia diz que na boca dos 144 mil não se achou engano, como os reformistas serão salvos entre os 144 mil com essas mentiras?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...